Ternura

Google+ Facebook Twitter Email

Eu te peço perdão por te amar de repente
Embora o meu amor
seja uma velha canção nos teus ouvidos
Das horas que passei à sombra dos teus gestos
Bebendo em tua boca o perfume dos sorrisos
Das noites que vivi acalentando
Pela graça indizível
dos teus passos eternamente fugindo
Trago a doçura
dos que aceitam melancolicamente.
E posso te dizer
que o grande afeto que te deixo
Não traz o exaspero das lágrimas
nem a fascinação das promessas
Nem as misteriosas palavras
dos véus da alma...
É um sossego, uma unção,
um transbordamento de carícias
E só te pede que te repouses quieta,
muito quieta
E deixes que as mãos cálidas da noite
encontrem sem fatalidade
o olhar estático da aurora.


Imagem - Ternura

Autor: Vinicius de Moraes, Lido: 396 Vezes
Categoria: Amor

Mensagens Similares

Imagem sobre Certezas

Certezas

Não quero alguém que morra de amor por mim… Só preciso de alguém que viva por mim, que queira esta...
Mensagens de Amor

Imagem sobre Meu Tudo

Meu Tudo

O que tenho de você pode parecer um nada, mas que ao mesmo tempo é meu tudo. Não tenho seu co...
Mensagens de Amor

Rádio - Provas de Amor - Ouvindo agora (.A moment like this - Kelly Clarkson )

Voltar ao topo!